Dez coisas que aprendi morando em Londres


Pois é meus amigos… Pouca gente sabe, voltei para o Brasil. Mas fiquei apenas o tempo de tirar um outro visto e já estou de volta a Londres! Apesar de ser um tempo considerado ótimo para aprender inglês, acho que 6 meses não foram o suficiente para ver e viver tudo que eu tinha que viver por aqui!

Pensando nisso, achei legal fazer tipo uma retrospectiva de tudo. Depois que cheguei no Brasil, percebi que tinha mudado como pessoa e acho muito importante compartilhar isso com vocês, principalmente se estão pensando em se jogar no mundo como eu fiz.

 

1. A Europa não é perfeita e o Brasil é muito melhor do que a gente pensa!

A gente fica tanto com essa ideia de que tudo na Europa é perfeito e organizado, que esquecemos um pouco de dar valor ao que a gente tem no Brasil. Claro, São Paulo é um caos, a cidade é suja, tem bastante gente mal educada… Mas já pararam pra pensar como o clima é bom? Não neva, temos vários dias de Sol, calor ou até aqueles dias quentes, mas fresquinhos. O inverno de Londres dura uns 7, 8 meses e quando é verão o povo lá dá muito valor! Diferente da gente que está sempre reclamando do calor. Em Londres as ruas também eram sujas. E a comida é sem gosto, não dá nem para comparar com a comida do Brasil. Temos muito mais opções de restaurantes com preços mais em conta e a nossa comida é mais saborosa. Isso posso dizer com certeza! Mas cada país tem suas particularidades, boas e ruins. Não podemos ficar comparando e nem endeusando um país, porque a grama do vizinho não é sempre mais verde.

2. Precisamos voltar a dar valor aos pequenos detalhes da vida.

Quando a gente vai para outro país, ficamos muito mais vulneráveis a tudo, então tendemos a ficar mais abertos a novas experiências e dar mais valor as pequenas coisas da vida. A arquitetura da cidade, os ladrilhos que eles colocam nas calçadas. O jeito que os ingleses andam, se vestem… E até uma balada chata que a gente vai, mas que acha divertida porque não conhece nenhuma outra melhor. A gente fica mais apto a aceitar as diferenças, a não reclamar de tudo. Quando voltei daqui pro Brasil, percebi que nem a minha balada preferida fazia mais sentido pra mim. É estranho porque parece um pouco de crise de identidade… Mas eu tenho tido vontade de fazer coisas diferentes e simples como encontrar os amigos em um parque e passar a tarde inteira conversando com eles até o Sol se pôr. É o tipo de coisa que a gente perde um pouco depois de morar por muito tempo no mesmo lugar. Parece que nada é novo, nada surpreende. Mas precisamos ser mais aberto aos detalhes e deixar as coisas tocarem a gente de uma forma diferente. Se não nada muda, tudo vai ser sempre igual e um pouco entediante.

3. Eu não preciso de nem metade das minhas tralhas para viver.

Se vocês entrarem no meu quarto no Brasil, vão se maravilhar com a quantidade de coisinhas legais que eu tenho. Cada caixa de sapato em baixo da minha cama é uma surpresa, até eu mesma gosto de tirar um dia para fuçar nas minhas próprias coisas porque são tantas que eu nem lembro. Mas quando fui pra Londres não podia levar nenhuma delas… E eu acabei percebendo que, na verdade, não preciso delas. Só tenho dó de jogar fora, sabe? Então a gente vê que dá pra viver por completo com apenas uma mala de roupas e seu notebook, porque você acaba começando uma “nova vida” e nem sente falta de nada! Então, com certeza, vou fazer uma limpa no meu quarto agora que estou no Brasil de novo. O problema vai ser quando eu voltar de Londres (pra valer) e tiver que trazer as tralhas de lá. Porque eu acabei começando uma nova coleção de tralhas! Acho que preciso aprender a me controlar, isso sim hahaha…

Leia mais

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s