7 Pecados Capitais de Quem Estuda Inglês


Você certamente conhece os 7 pecados capitais, não é mesmo? Se não os conhece, anote aí para não se esquecer: luxúria, gula, avareza, ira, soberba, vaidade e preguiça. Agora, o que é que esses 7 pecados capitais tem a ver com quem estuda inglês? Qual a relação entre eles e o fato de alguém aprender inglês? Será que tem algo a ver? Continue lendo e você saberá.

Ee texto serve para mostrar um pouco dos erros que qualquer estudantes de inglês comete ao longo da vida. Os sete erros foram adaptados de acordo com os sete pecados capitais. Vamos ver um a um e relacioná-los à nossa situação como eternos estudantes de inglês.

» GULA: Esse pecado é fácil de identificar. Trata-se de um erro extremamente comum. O pecado da gula está relacionado ao fato da pessoa querer aprender tudo de uma só vez. O desejo de pegar um dicionário e querer decorá-lo de cabo a rabo. Ou ainda o desejo de saber de cor e salteado todas as regras gramaticais da língua inglesa. Se você comete esse pecado em seus estudos, o conselho é ir com calma. Você não aprenderá tudo sobre o Present Perfect apenas lendo as regras em um livro ou salvando tudo quanto é site em seu computador. Não se desespere querendo assimilar tudo. Seu cérebro pode pifar e você desanimar. Aprenda aos poucos e você certamente aprenderá muito.

» AVAREZA: Esse pecado no aprendizado de inglês, eu o interpreto como apego a uma única forma correta de inglês. Algumas pessoas aprendem algo de um jeito e acham que apenas o jeito delas está correto. Quando escutam algo que nunca ouviram ou leram, já apontam o dedo dizendo “morei tanto tempo em tal lugar e nunca ouvi ninguém falando assim“. O problema não está em dizer isso! Na verdade, o pecado está em achar que a outra forma é errada e que a pessoa é burra ou idiota. Os avarentos são tão apegados a uma forma única e exclusiva de inglês que acabam ignorando as demais. Portanto, não seja tão apegado à apenas um tipo de inglês! Esteja atento ao modo como a língua é usada por várias pessoas em vários contextos em diferentes partes.

7 Pecados Capitais de Quem Estuda Inglês

» INVEJA:  A inveja nos estudos de inglês está relacionada ao fato de um estudante ter inveja do inglês do outro. Claro que a “inveja boa” é saudável. Mas, o problema é quando a inveja se torna em um desejo imenso de ver o outro cometer erros na pronúncia, na gramática, na escrita de uma palavra, etc. Quem tem esse desejo invejoso de ver o outro se dando mal deixa de prestar atenção em seu próprio aprendizado. Lembre-se: tenha os outros como modelo e aprenda com eles nos erros e acertos.

» IRA: Esse pecado está relacionado ao fato de um estudante ter raiva da língua e achar que aprender inglês é uma obrigação patética, uma idiotice, uma perda de tempo. Ter raiva de aprender a língua e aprendê-la apenas por obrigação, não ajudará em nada. Só tornará as coisas mais difíceis. Para vencer essa raiva, o jeito é procurar ver a língua como algo que ajudara você a ver e descrever o mundo de forma diferente.

» VAIDADE: Esse pecado é também conhecido como soberba, orgulho excessivo, arrogância. Você certamente já conheceu alguém (estudante ou professor) que se achava melhor que todo mundo. Ele se vangloriava que seu inglês era perfeito, sabia mais palavras que todo mundo, corrigia os outros de modo arrogante apenas para exibir seus conhecimentos e assim mostrar que estava acima de todo mundo. Esse pecado é horroroso. Pois, em se tratando de falar inglês, ninguém é melhor ou pior. Cada um está em um nível de aprendizado e isso deve ser respeitado. Saber mais que os outros significa que você pode ajudá-los a chegar no mesmo nível que você. Você deve ser um modelo a ser seguido e oferecer ajuda para que os outros percebam que aprender inglês é possível.

» PREGUIÇA: Você tem preguiça de estudar inglês? Não faz tarefas? Não lê livros em inglês? Não procura aprender coisa novas quando deveria? Então, sinto muito, seu pecado é grave; pois, você continuará no mesmo estágio e provavelmente demorará muito para sair dele.

» LUXÚRIA: O sentido original da palavra luxúria é algo como “deixar-se dominar pelas paixões“. Está relacionado ao desejo descontrolado pelos prazeres e à corrupção dos costumes. Assim, nos estudos de inglês eu o relaciono àquelas pessoas desesperadas por aprender inglês que acham que ficarão fluentes em 40 horas, 3 semanas, 1 ano, 18 meses, 2 anos, etc. Quem acredita nisso, está se deixando levar por um desejo cego, descontrolado. A pessoa está achando que corromperá os meios tradicionais de aprendizado para aprender de modo milagroso. A vontade insana de aprender da noite para o dia se mostrará mais uma dor de cabeça ao longo do tempo. Seja apaixonado por aprender inglês, mas seja um apaixonado consciente, calmo, tranquilo. Não há fórmulas mágicas; portanto, cuidado.

Acho que deu para você entender o recado? Claro que dá para falar muito mais sobre os 7 pecados capitais de quem estuda inglês, mas as palavras acima já servem de orientação para que você não os cometa. Como não somos perfeitos é bem provável que uma hora ou outra você identifique um pecado desses em sua rotina. Caso isso aconteça, pare, reflita, corrija-se e siga em frente.

source…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s